Informações Gerais

  • 30h
  • 2243 aluno(s) atualmente inscrito(s)
  • A partir de 9/7/2019
  • sem discussões
  • Para
  • 1234 avaliações
  • Sem Tutoria/Facilitação
  • Restrito a Perfis

Sobre o curso

O módulo traz a discussão da comunidade como espaço privilegiado para a formação de profissionais de saúde mais implicados com as transformações necessárias na vida e saúde das pessoas. Reforça a importância de fortalecer a integração entre universidade, serviços de saúde e comunidade para que todos os envolvidos se fortaleçam num processo de mudança da lógica da formação e do trabalho em saúde. Também reconhece o papel central da comunidade no processo de planejamento, execução e avaliação das ações fundamentais para o trabalho e para a formação em saúde. Nessa perspectiva, o módulo fará um passeio pela história, mostrando as políticas nacionais que contribuíram para o fortalecimento dessa agenda no intuito também de discutir elementos que possam consolidar os princípios fundamentais que devem orientar a integração entre ensino, serviço e comunidade, tendo como horizonte a melhoria da qualidade da atenção à saúde e da formação dos profissionais de saúde.

Objetivos

OBJETIVO GERAL

O módulo tem como objetivo geral: discutir a importância da preceptoria no contexto da saúde na comunidade para o fortalecimento da integração ensino-serviço-comunidade.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

  • Refletir sobre o contexto atual dos processos de integração ensino-serviço-comunidade;

  • Problematizar o percurso histórico das políticas de atenção à saúde e de reorientação da formação dos profissionais da saúde e suas implicações para o processo de integração ensino-serviço-comunidade;

  • Discutir a dinâmica da preceptoria para o fortalecimento das ações de integração ensino-serviço-comunidade.

Conteúdo

UNIDADE 1: COMPREENDENDO A INTEGRAÇÃO ENSINO-SERVIÇO
AULA 1: Os desafios atuais da formação em saúde.
AULA 2: A integração ensino-serviço no contexto das políticas de reorientação da formação em saúde.
AULA 3: A integração ensino-serviço como espaço de reconhecimento das especificidades do trabalho em saúde.

UNIDADE 2: A PRECEPTORIA DO CONTEXTO DA SAÚDE NA COMUNIDADE FRENTE AO DESAFIO DE FORTALECIMENTO DA INTEGRAÇÃO ENSINO-SERVIÇO
AULA 1: A atenção básica como espaço privilegiado para a formação em saúde.
AULA 2: A preceptoria do contexto da saúde na comunidade frente ao desafio de fortalecimento da integração ensino-serviço.
AULA 3: O preceptor como interlocutor das necessidades de mudança do trabalho e da formação em saúde.

Como nos organizamos

METODOLOGIA

O Módulo que você está iniciando é autoinstrucional. Sabe o que isso significa? Significa que você vai encontrar um conteúdo apresentado em pequenas partes, de forma bastante clara e agradável, em linguagem interativa e com bastante suporte das tecnologias de informação e comunicação.

RECURSOS

O curso adotará diversos recursos para trabalhar com os temas centrais do módulo, dentre eles:

Vídeos;

Animações;

Histórias em Quadrinhos;

Leituras complementares.

AVALIAÇÃO

  • O módulo é autoinstrucional e a avaliação será realizada ao final do módulo por meio de questões que abordem as discussões trabalhadas nas aulas.

  • O sistema de avaliação irá fornecer feedback, de forma que esse processo de avaliação também se configure como parte do processo de aprendizagem dos estudantes.

Módulos relacionados

Ambiente Hospitalar: ensino na prática

UFRN / SEDIS / LAIS / ESUFRN
  • 30h
  • 128
  • 2243

Neste momento iremos discutir com você como pode acontecer a preceptoria, ou seja, o ensino em serviço em um hospital escola, a importância deste cenário para a formação e as Ver mais